segunda-feira, 2 de outubro de 2017

Foto de cavalo-marinho viraliza na web e faz triste alerta sobre a poluição ambiental

O homem é animal mais destrutivo do planeta, ele é tão irracional racionalmente que está destruindo o ecossistema, o meio ambiente, o seu habitat natural. Um cavalo Marinho um ser vivo minúsculo tem mais cérebro do que um homem e é capaz de denunciar a dimensão de sua perversidade com a natureza. Leiam essas duas reportagens

Uma foto de um cavalo-marinho, registrada pelo fotógrafo de vida selvagem Justin Hofman, vem recebendo atenção internacional.
cavalo-marinho



A imagem que foi clicada na ilha de Sumbawa, ao sul de Borneu, na Indonésia, mostra o animal carregando uma haste de algodão aparentemente descartada. Apesar de bela, ele afirmou ter desejado que a fotografia nunca tivesse sido feita, de acordo com informações da The Dodo.

Hofman contou que enquanto nadava na região, notou a presença do pequeno animal. Então, ambos foram atingidos por uma corrente de água carregada de lixo. O fotógrafo notou que o pequeno cavalo-marinho acabou se prendendo a uma haste de algodão.

Era literalmente esgoto”, revelou. “Você podia sentir o cheiro da mudança de água. Era nojento. Eventualmente, essa pequena cena se desdobrou na minha frente”, disse.

A imagem acabou viralizando, chamando atenção para a poluição dos mares. “É uma foto que eu gostaria que não existisse, mas agora quero que todos a vejam”, afirmou o fotógrafo acrescentando não querer nenhum reconhecimento pela imagem. “Ver este pequeno cavalo-marinho é doloroso“, complementou.

Hofman disse ainda torcer para que a situação, visivelmente lamentável, sirva para abrir os olhos da população mundial a respeito do descarte consciente do lixo.
Se cada um fizesse a sua parte, causaria um enorme impacto”, afirmou. “Não podemos deixar o nosso lixo escorrer. Nós podemos reciclar praticamente tudo, e é muito fácil!”.

A imagem veio à tona pouco dias antes, quando foi comemorado o Dia Mundial da Limpeza de Praias e Rios, e serve para incentivar a despoluição das águas e preservação da fauna e flora marinha.

A importância das abelhas para a vida no planeta

Desaparecimento desses pequenos insetos traria imensas consequências. As abelhas estão diminuindo graças as ações do homem em envenenar as plantações com pesticidas reduzindo drasticamente a população de abelhas

Abelhas
A polinização é o transporte de pólen de uma flor para a outra. É através da polinização que as flores são fecundadas, começando o desenvolvimento de frutos e sementes. Pode ser feita pela água, pelo vento e por muitos animais, como borboletas e beija-flores. O animal mais famoso pela capacidade de polinização - e é de fato o mais eficiente - é a abelha, pois é mais rápida, consegue voar em ziguezague e, após um tempo com a colônia instalada em certo local, consegue saber qual o melhor horário para coletar pólen (elas observam a flora próxima à colmeia e associam com a intensidade da luz do dia).
Você gosta de abobrinha, de melancia e de maracujá? Se a resposta é sim, então você gosta do que as abelhas fazem. Esses e muitos outros vegetais não existiriam ou seriam muito diferentes sem a polinização feita por esses insetos. As berinjelas, por exemplo, seriam menores que maçãs.
Esses insetos são pequenos no tamanho, mas de uma importância gigante para toda a vida na Terra. Sem as abelhas, não perderíamos só o mel e os produtos agrícolas. A produção de animais para consumo sofreria grandes perdas, já que estes animais são herbívoros. A vida selvagem de uma forma geral também sofreria sem elas: a vegetação seria drasticamente reduzida e, assim, a vida em geral.
Conheça agora algumas das espécies mais comuns no Brasil e a importância das abelhas para a produção de alimentos:

Abelha europeia ou melífera

A famosa listradinha de preto e amarelo é a preferida dos apicultores, porque é a melhor produtora de mel. Entretanto, também tem um papel fundamental na agricultura, sendo a maior polinizadora das abóboras, por exemplo, e de muitos outros vegetais.
Abelha europeia ou melífera

Abelha sem ferrão

Na verdade existem muitas espécies de abelhas que não possuem ferrão. As principais são: a irapuã, que também é bastante utilizada na produção de mel e também tem uma grande atuação na agricultura; a jataí, que é fã de flores ornamentais; e a mirim, que os produtores de morangos levam para morar na plantação deles e impedir deformidades genéticas nos frutos, porque a polinização leva genes de uma planta para outra, impedindo a consanguinidade, isto é, a mistura de genes semelhantes entre flores de uma mesma planta, que são como “flores irmãs”.
Abelha sem ferrão

Abelha irapuã

Abelha irapuã

Abelha jataí

Abelha jataí
Abelha mirim - foto: Bloguinho Embrapa

Abelha mamangava

Esta não é usada na extração de mel, mas é indispensável para cultivar maracujás. A fruta raramente se desenvolve sem polinização e essa abelha é tão relacionada a ela, que não reconhece variedades transgênicas e só aceita maracujás “originais”.
Abelha mamangava

Nenhum comentário:

Postar um comentário