segunda-feira, 30 de novembro de 2015

Por falta de dinheiro, eleições de 2016 serão manuais, diz portaria da Justiça

Resultado de imagem para voto manual Por falta de dinheiro, as eleições municipais de 2016 serão realizadas manualmente. É a primeira vez que isso acontecerá desde 2000, quando todo o eleitorado brasileiro começou a votar eletronicamente. A informação de que o contingenciamento impedirá eleições eletrônicas foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) desta segunda-feira, 30.
"O contingenciamento imposto à Justiça Eleitoral inviabilizará as eleições de 2016 por meio eletrônico" diz o artigo 2º da Portaria Conjunta nº 3, de 27 de novembro de 2015.
A portaria foi assinada pelos presidentes dos Supremo Tribunal Federal (STF), TSE, Superior Tribunal de Justiça (STJ), Tribunal Superior do Trabalho (TST), Superior Tribunal Militar (STM), Tribunal de Justiça do Distrito Federal (TJDF) e seus respectivos conselhos.
A portaria informa ainda que ficam indisponíveis para empenho e movimentação financeira um total de R$ 1,7 bilhão para STF (R$ 53,2 milhões), STJ (R$ 73,3 milhões), Justiça Federal (R$ 555 milhões), Justiça Militar da União (R$ 14,9 milhões), Justiça Eleitoral (R$ 428,9 milhões), Justiça do Trabalho (R$ 423 milhões), Justiça do DF (R$ 63 milhões) e Conselho Nacional de Justiça (R$ 131 milhões).
Urna eletrônicaAs urnas eletrônicas foram utilizadas pela primeira vez em 1996. Mas, somente nas eleições do ano 2000, todo o eleitorado votou eletronicamente.
Em nota, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) informou que deixará de receber R$ 428,7 milhões. Segundo o texto, a falta do dinheiro vai prejudicar na aquisição e manutenção dos equipamentos para a realização da eleição do ano que vem. "Esse bloqueio no orçamento, compromete severamente vários projetos do TSE e dos Tribunais Regionais Eleitorais (TREs). O impacto maior reflete no processo de aquisição de urnas eletrônicas, com licitação já em curso e imprescindível contratação até o fim do mês de dezembro, com o comprometimento de uma despesa estimada em R$ 200 milhões", diz a nota.

Ainda de acordo com o texto, a não conclusão da licitação das urnas causará "dano irreversível e irreparável" à Justiça Eleitoral. O TSE fala também em "ameaça de grave lesão à ordem, por comprometer as eleições". "As urnas que estão sendo licitadas tem prazo certo e improrrogável para que estejam em produção nos cartórios eleitorais. Na espécie, não há dúvida que o interesse público envolvido há que prevalecer, ante a iminente ameaça de grave lesão à ordem, por comprometer as Eleições Eletrônicas Municipais de 2016."

Devedor de pensão poderá passar mais tempo na prisão

pensao



A entrada em vigor do novo Código de Processo Civil (CPC), em março do próximo ano, dará força a uma prática ainda pouco utilizada para punir devedores de pensão alimentícia. Se o pagamento for interrompido sem justa causa, o juiz poderá encaminhar o caso ao Ministério Público e o réu responder por abandono material e passar até quatro anos atrás das grades, além de ter que pagar multa de até dez salários mínimos (R$ 7.880,00).

Aumento da rejeição de Lula é o ponto que mais preocupa PT em pesquisa




Avaliação feita por integrantes da cúpula do PT ao blog há pouco mostra que o aumento da rejeição do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva é o ponto que mais preocupa na pesquisa Datafolha divulgada sábado à tarde. Pela pesquisa, a rejeição de Lula é de quase metade dos eleitores, atingindo 47%. Para o PT, dois fatores contribuem para uma rejeição tão elevada: o agravamento da situação econômica e os desdobramentos da operação Lava Jato, que tem atingido políticos importantes do Partido dos Trabalhadores, como o senador Delcídio do Amaral (PT/MS), preso nesta semana.

Também preocupa o PT o fato do ex-presidente Lula ter entrado na órbita das operações Lava Jato e Zelotes. Essa semana também foi preso o pecuarista José Carlos Bumlai, amigo de Lula. Para petistas, é preciso tentar blindar o ex-presidente Lula, reconhecido como a principal liderança no partido. Para o PT, Lula é visto como o nome mais forte na disputa de 2018. A pesquisa Datafolha também aponta que, em quatro cenários de disputado presidencial, Lula teria dificuldades em voltar ao Palácio do Planalto. Se a eleição fosse hoje, ele perderia para o tucano Aécio Neves, em primeiro e segundo turno, e também perderia em segundo turno para Geraldo Alckmin e Marina Silva.

"Isso mostra que a rejeição ao governo Dilma já contamina a liderança de Lula. É preciso o governo reagir na economia para voltar a recuperar a popularidade. Caso isso não aconteça, já enfrentaremos dificuldades na eleição de 2016", reconheceu ao blog um integrante da executiva do PT. Antes mesmo do resultado desta pesquisa, levantamentos que petistas tiveram acesso já indicavam aumento da rejeição do ex-presidente Lula. Por isso, nas últimas semanas, houve uma mudança na estratégia de Lula. Ele passou a participar com mais frequência de eventos, a fazer discursos e até mesmo retomou a agenda de entrevistas. A reação de Lula visa recuperar espaço em 2018 e evitar ser atingido pela desaprovação ao governo Dilma e pelos escândalos de corrupção investigados pela Polícia Federal.

domingo, 29 de novembro de 2015

Campanha Laço branco - Homens pelo fim da Violência contra a Mulher

A Campanha Brasileira do Laço Branco tem como objetivo sensibilizar, envolver e mobilizar os homens no engajamento pelo fim da violência contra a mulher. Suas atividades são desenvolvidas em consonância com as ações dos movimentos organizados de mulheres e de outras representações sociais que buscam promover a equidade de gênero, através de ações em saúde, educação, trabalho, ação social, justiça, segurança pública e direitos humanos.

sábado, 28 de novembro de 2015

Quatro PMs são indiciados por sequestro, tortura e assassinato de frentista que sumiu após ser abordado por uma patrulha da FTA

frentisma sumido 003
O fretista desapareceu na tarde de 30 de setembro
Quatro policiais militares foram indiciados em inquérito policial pelas práticas de seqüestro, tortura e assassinato do frentista João Paulo Sousa Rodrigues, desaparecido desde o começo da tarde do dia 30 de setembro passado, após ser abordado por uma patrulha da PM, na periferia de Fortaleza. Até hoje, ele não foi encontrado.
As investigações em torno do caso foram realizadas pela Delegacia de Assuntos Internos (DAI) da Controladoria Geral de Disciplina dos Órgãos da Segurança Pública e do Sistema Penitenciário (CGD). Embora em sigilo, a apuração chegou à conclusão que quatro policiais responsáveis pela abordagem  à vítima teriam sido os responsáveis pelo crime.
Imagens captadas por câmeras instaladas em via pública no local da abordagem policial, na Avenida Cônego de castro, no bairro Parque Santa Rosa, mostraram o momento em que o frentista segue em sua motocicleta e acaba sendo parado por uma viatura Hilux da PM. Seria uma patrulha da Força Tática e Apoio (FTA) da 1ª Companhia do 14º BPM (Maracanaú).
Depois de ser tirado da moto, o rapaz passou por uma busca de armas e, em seguida, foi algemado e colocado num carro preto que parou logo mais à frente da viatura da PM. Desde então, João Paulo não foi mais visto. A família dele espalhou cartazes com fotografias pelo bairro e fez várias manifestações. Mas, até hoje, sequer o corpo do rapaz foi localizado.
Militares
As investigações da Polícia culminaram na prisão de quatro PMs.  Três deles foram detidos primeiramente, sendo identificados como Francisco Vanderlei Alves da Silva, Antônio ferreira Barbosa Júnior e Elidson Tomóteo Valentim. Os três foram  detidos disciplinarmente e ouvidos na CGD, onde negaram ter dado “sumiço” ao frentista. Alegaram que, após a abaordagem, o rapaz seguiu em um carro com um amigo.
Contudo, as análises das imagens mostraram que o jovem entra no carro já algemado, sendo entregue a um quarto homem, que, supostamente, seria também policial militar, embora estivesse à paisana.  Pela placa do carro, a CGD chegou ao quarto militar e o prendeu. Trata-se de Haroldo Cardoso da Silva.
Informações extraoficiais revelaram que dias antes do desaparecimento do rapaz, ele havia discutido com um homem no posto de combustível onde trabalhava e  a pessoa com quem ele “bateu boca” seria um policial, que o ameaçou. 
- See more at: http://www.blogdofernandoribeiro.com.br/index.php/81-categorias/violencia-urbana/1413-quatro-pms-sao-indiciados-por-sequestro-tortura-e-assassinato-de-frente-que-sumiu-apos-ser-abordado-por-uma-patrulha-da-fta#sthash.3DakTpfm.dpuf

quinta-feira, 26 de novembro de 2015

Por Jesus da Costa

FALTA UMA AGENDA POSITIVA PARA NOVA RUSSAS...

Definitivamente o povo de Nova Russas não está no centro do debate... Não consigo visualizar uma agenda pautada nas principais mazelas do povo de Nova Russas... A banalização que coloca no universo da normalidade o Hospital Jose Gonçalves Rosa não ter remédios, das torneiras não terem água, da folha de pagamento do município levar mais de 63% de tudo o que o município recebe, enfim...
O calendário político administrativo de Nova Russas vive daqui até o fim desse mandato um abismo entre o que de fato o povo precisa que seja discutido, e na prática o que a classe política tem feito pela população. O assunto agora é eleição da Câmara Municipal, e nada mais... Até o dia 10 de Dezembro, quando deverá ocorrer a eleição bizarra, que anualmente elege um presidente diferente, o assunto da classe política é somente quem ganhará a disputa, e nada mais...
Findado a eleição da Câmara, inicia-se o recesso parlamentar e o administrativo praticamente continua inerte. Após isso vem o Carnaval trazendo o único calendário cultural de Nova Russas no ano. Após o carnaval, vem a ressaca deste, que no ano que vem é recheada de artimanhas, pois começa o prazo para mudança de partido dos detentores de mandato, o que popularmente chamamos de Janela Eleitoral, que deve ir do dia 02 de Março a 02 de Abril. Ao terminar o prazo de filiação partidária, já iniciamos praticamente nas eleições, e depois... Depois???

Ai pergunto-lhes caros leitores: E quando será debatido Nova Russas, os anseios da população??? Afinal o mandato serve para melhorar a vida das pessoas, ou a própria vida do político????

Onde fica o povo nessa confusão toda???

Promoção com descontos especiais nas matriculas. Aproveite

O melhor provedor de internet de N.Russas e Região

Nesta sexta-feira Sushi apenas R$ 1,00 no aniversário de 1 ano do Banzai

quarta-feira, 25 de novembro de 2015

Eleição da nova mesa diretora da câmara será realizada dia 10 de dezembro e Kátia Santos entra no páreo pela oposição

Artigo do Professor Tim sobre as articulações para que Kátia Santos seja a candidata de consenso da bancada de oposição na eleição da Câmara.

Crescem as articulações para que Kátia Santos seja a candidata de consenso da bancada de oposição na disputa pela Presidência da Câmara!
Não é fraco o movimento de articulação para que a vereadora Kátia Santos (PSL) seja a candidata de consenso da bancada de oposição à Presidência da Câmara de Nova Russas, cuja eleição será realizada no próximo 10 de dezembro.
Na articulação estariam diversas lideranças políticas. Articulação para fazer Kátia Santos ganhar a maioria da bancada de oposição e ser a candidata consensual ao cargo máximo da Câmara.
Como é uma vereadora da bancada feminina de oposição, as demais vereadoras oposicionistas [Socorrinha Arrais, Karla Loiola, Toinha do Capitão e Rejane], por razões lógicas do poder feminino, não seriam contrárias à indicação de Kátia Santos -que tem sido uma vereadora combativa e inteligente.
O vereador Denílson seria outro a apoiar uma possível candidatura de Kátia Santos. A única dificuldade seria conquistar o apoio do vereador Kapita, que vai até o final e com chances de vencer a eleição presidencial na Câmara. 
Sendo assim, e as registradas as duas candidaturas [Kátia Santos e Kapita], ou mesmo as três, caso Toinha do Capitão insista em disputar, poderiam ocorrer duas situações.
A primeira é que, mesmo com os registros, duas das três das candidaturas seriam retiradas e uma votada consensualmente pelos 7 vereadores da oposição.
Outra hipótese é que, sendo duas chapas avulsas registradas para presidente, a bancada de situação lance apenas a Socorrinha Holanda e vença a eleição.
Tem outra hipótese. Tanto Kapita quanto Kátia Santos poderiam ir até o final e um dos dois seria o escolhido pela bancada governista. 
Uma certeza. A oposição legislativa quer eleger alguém da própria bancada. O nome de Socorrinha Holanda ou outro situacionista não agradaria.
Eleição de Socorrinha Holanda, uma governista total, não renderia quase nada de positivo para os vereadores de oposição.
Pensando assim, a bancada de oposição está unida.
Sendo que Kátia Santos e Kapita buscam o consenso!

terça-feira, 24 de novembro de 2015

Homem que matou vice-prefeito de Choró, dias antes havia matado esposa e colocado o corpo em freezer

O corpo da mulher do atirador que matou o vice-prefeito de Choró foi encontrado na tarde desta terça-feira (24), em Fortaleza. Elisângela Gomes Lemos estava dentro de uma geladeira no apartamento do casal, no Bairro Parangaba.
Casal tinha dois filhos que foram levados pelo pai ao interior dias antes (FOTO: Reprodução)A esposa teria sido morta pelo marido, conhecido como Roberto dos Queijos, no último sábado (21). Ele enrolou o corpo em um lençol e colocou em um freezer, onde guardava os queijos.
A polícia achou um caderno de anotações de Roberto, em que ele teria deixado um pedido de desculpa aos familiares. O casal tinha dois filhos pequenos, e o pai teria os levado dias antes para sua cidade natal, Jaguaretama, o que caracterizaria crime premeditado.
Segundo vizinhos, o casal morava na Parangaba há cerca de cinco meses e não teria familiares em Fortaleza.
A polícia confirmou o envolvimento do mesmo homem no homicídio do vice-prefeito de Choró, Francisco Sidney Cavalcante, dentro da sede da prefeitura do município. O político chegou a ser socorrido por uma ambulância, mas já estava sem vida.Morte do vice-prefeito
Moradores ficaram curiosos com o som dos disparos vindos da sede e se mobilizaram até o local. Testemunhas escutaram cerca de 20 disparos. Após a morte do vice-prefeito, o criminoso atirou contra a cabeça. A polícia investiga a ligação dos dois crimes. A polícia não afasta a hipótese de que o casal morto teria um relacionamento extra-conjugal.

Imagens do gabinete do vice-prefeito assassinado e do atirador que praticou suicídio
12243581_1045658232140713_4745401796636603521_n

Termina cerco policial em Choró: homem que assassinou o vice-prefeito pratica o suicídio

Vice-prefeito morto 008
O vice-prefeito foi morto a tiros em seu gabinete
Terminou trágico o desfecho  da invasão à sede da Prefeitura Municipal de Choró, no Sertão Central (151Km de Fortaleza), Depois de quase três horas de cerco policial, o homem que invadiu o local e matou o vice-prefeito, acabou praticando o suicídio no momento em que policiais do Grupo de Ações Táticas Especiais (Gate) realizaram a invasão tática no local.
O homem que assassinou o vice-prefeito  Sidney Cavalcante (PT) foi identificado, até o momento,  apenas por Júnior. Ao contrário do que a Polícia acreditava, o atirador não fez reféns. Depois de matar o gestor municipal, ele se trancou numa sala e ali permaneceu até agora há pouco, onde acabou tirando também sua própria vida.
Uma informação ainda não confirmada pela Polícia indica que o crime teria sido passional.  Júnior teria invadido a sede do Centro Administrativo e assassinado o vice-prefeito por acreditar que sua esposa, funcionária da prefeitura de Choró (identidade não revelada), estaria tendo um caso com Sidney Cavalcante.
Outra informação que circulou no local revela que, antes de dar fim à própria vida, o atirador afirmou que também assassinou a esposa e teria ocultado o cadáver dela no freezer de sua residência, em Fortaleza. A Polícia ainda não se pronunciou sobre isto.
O corpo do vice-prefeito já foi resgatado pelos policiais e por uma equipe de socorristas.
O local ainda permanece sob o isolamento de policiais militares do Comando Tático Rural (Cotar), do Gate e do 9º BPM (Quixadá).
Crime
A invasão do homem armado na sede da Prefeitura aconteceu por volta de 11 horas. A princípio, a Polícia levantou a hipótese de uma suposta tentativa de assalto. Funcionários disseram ter ouvido, pelo menos, oito estampidos.
Quando a PM cercou o local veio a informação de que havia reféns, entre eles, o próprio prefeito do Município, Antônio Mendes, o “Dé”.  O comandante do 9º BPM, tenente-coronel Calixto, se deslocou de Quixadá para o local, enquanto eram aguardados reforços da Capital.
Uma equipe do Gate e um helicóptero da Ciopaer foram mandados até Choró.
Depois de uma tensa negociação com a Polícia, o assassino se matou

quinta-feira, 19 de novembro de 2015

Ipueiras ganha uma Estação Meteorológica do Instituto Nacional de Meteorologia - INMET

Com o objetivo de dar apoio tecnológico para a agricultura de Ipueiras, o Instituto Nacional de Meteorologia-INMET com o apoio do escritório da EMATERCE implantou recentemente no Município uma Estação Meteorológica. A nova estação de superfície automática foi instalada na Comunidade de Lamarão, próximo a Sede do Município, e fornecerá informações sobre pressão atmosférica, temperatura e umidade relativa do ar, precipitação, radiação solar, direção e velocidade do vento integrando os valores observados minuto a minuto disponibilizando automaticamente a cada hora.
Os dados observados orientarão, sobre o momento ideal para o plantio de culturas de sequeiro. O novo equipamento é autossustentável, o mesmo dispõe de uma placa de energia fotovoltaica (solar) para a geração de sua própria energia. Com o apoio do Governo Federal será possível oferecer ao homem do campo informações precisas sobre o clima.
 Prefeitura Municipal de Ipueiras

MPF do Ceara denuncia ex-prefeita de Nova Russas por desvio de verbas de obras hídricas

“O Ministério Publico Federal (MPF) ingressou com denúncia na Justiça Federal contra a ex-prefeita de Nova Russas (Sertão de Crateús), Maria Iranede Veras Rosa. A ação aponta desvio de verbas federais em obras de abastecimento e distribuição hídrica no município.

Cerca de R$ 100 mil foram enviados ao município por meio de convênio com a Fundação Nacional de Saúde (Funasa) no ano de 1999. A empresa contratada para a prestação de serviços foi a LBM Engenharia, Serviços e Representações LTDA e, segundo consta na denúncia do MPF, “estranhamente, tais valores foram repassados imediatamente à empresa vencedora”.
As investigações mostraram que, após o fim do prazo para a prestação de contas, avaliação técnica realizada pela Funasa em 2002 mostrou que as obras previstas pelo convênio se encontravam inacabadas ou nem sequer haviam iniciado.
Ainda na ação, a procuradora da República Lívia Sousa afirma que “se os serviços contratados foram realizados apenas de forma parcial, a despeito dos dispêndios promovidos integralmente em favor da empresa, resta fartamente comprovada o desvio de recursos do convênio”.
Além de Maria Iranede, Francisco Leonardo de Castro Bezerra Melo, o representante legal da empresa LBM Engenharia, também foi denunciado. Na ação, o MPF pede à Justiça Federal que condene os réus por apropriar-se de bens ou rendas públicas, ou desviá-los em proveito próprio ou alheio.”
(Site do MPF/CE)

Ladrões fugiram com R$ 10 milhões no ataque ao carro-forte em Quixeramobim. Ninguém foi preso

Quinta 2 29.10.2015 013
Carro-forte pegou com a explosão do cofre onde estavam os malotes com R$ 12 milhões 
agora ja 002
Viatura da Delegacia de Polícia Civil de Quixeramobim foi metralhada pelos assaltantes
Vinte e dias depois de um ataque violento a um carro-forte no Interior do estado,  uma revelação da Polícia  aponta que o crime foi milionário.  A quadrilha que explodiu o cofre do veículo blindado da empresa de segurança privada  Corpvs teria roubado, nada menos, que R$ 10 milhões em espécie. Além disso, outros R$ 2 milhões teriam sido destruído pelo fogo.
A informação do milionário roubo veio quando a Polícia Civil passou a investigar o caso. No depoimento dos vigilantes que foram tomados como reféns pelos criminosos, a revelação de que, no momento do crime, o carro-pagador transportava aproximadamente R$ 12 milhões em espécie, divididos em vários malotes colocados no cofre de aço do blindado.
Mesmo com uma grande mobilização das polícias Civil e Militar, e um aparato que incluiu até um helicóptero nas buscas à quadrilha, ninguém foi preso até agora, nem mesmo suspeitos foram detidos.  A quadrilha simplesmente desapareceu do Ceará levando na sacola os R$ 10 milhões que eram destinados à diversas agências bancárias de Municípios do Sertão Central.
Feridos
O assalto ocorreu no fim da manhã do dia 28 de outubro último, quando o carro-forte trafegava pela rodovia estadual CE-060. Quando o veículo atingiu o quilômetro 185, na altura da localidade de Sítio Patacas, no distrito de Uruquê, em Quixeramobim (201Km de Fortaleza),  a quadrilha apareceu em, pelo menos, três veículos. O grupo estava fortemente armado e “fechou” a estrada, impedindo o trajeto do blindado.
A seguir, os ladrões passaram a disparar tiros de fuzil e de metralhadoras,. Forçando os vigilantes a deixar o carro-forte. O passo seguinte foi a detonação de explosivos  no cofre do veículo.  Os criminosos se apoderaram rapidamente dos malotes, mas deixaram alguns ainda no local, e desapareceram.
Na fuga, os assaltantes se depararam com uma viatura da Delegacia Regional da Polícia Civil de Quixeramobim e passaram a atirar. Os agentes revidaram, se estabelecendo um tiroteio na rodovia. O delegado-regional  Salviano de Pádua Freire e três inspetores foram baleados e transferidos para Fortaleza e hospitalizados.  Todos já receberam alta médica.
A Polícia suspeita que a quadrilha tinha informações privilegiadas sobre o milionário assalto e já sabe que o grupo era formado por bandidos cearenses e de outros estados. Um dos veículos utilizados pela quadrilha, tinha placas de Salvador (BA) e havia sido preparado para o ataque. Os criminosos instalaram chapas de aço da parte traseira da caminhonete importada. Através de um buraco feito nesta chapa foi colocado o cano de uma metralhadora de calibre .50, arma de uso militar, de grande poder de fogo e por ser antiaérea, é capaz de abater aeronaves em voo.  Cápsulas de balas encontradas no local mostraram que os criminosos usaram também fuzis de calibres 5.56 e 7.62, também armas de uso militar. 
Por Fernando Ribeiro

Passagens de ônibus terão validade de 1 ano

Os bilhetes de passagens adquiridos no transporte coletivo rodoviário de passageiros intermunicipal, interestadual e internacional terão validade de 1 ano, a partir da data de sua emissão, independentemente de estarem com data e horários marcados. Lei n. 11.975:

Resultado de imagem para terminal rodoviárioArt. 1º -  Os bilhetes de passagens adquiridos no transporte coletivo rodoviário de passageiros intermunicipal, interestadual e internacional terão validade de 1 (um) ano, a partir da data de sua emissão, independentemente de estarem com data e horários marcados. 




                                        INFORME PUBLICITÁRIO


O Melhor provedor de internet de Nova Russas e região

Promoção de matrículas com descontos especiais até 30 de dezembro

Hoje é dia de caranguejada e amanhã tem diversos pratos de camarão

Imagem inédita mostra o massacre na casa de shows Bataclan após uma sequência de atentados do Estado Islâmico em Paris

segunda16.11 097
O terrorismo internacional deixou sua marca na bela cidade de Paris, na noite da última sexta-feira (13). Nesta imagem inédita, é possível se observar como terminou a ação de criminosos do Estado Islâmico na casa de shows Bataclan, onde iria acontecer um concerto de rock de uma banda americana. Utilizando fuzis, os terroristas mataram cerca de 80 pessoas naquele ambiente. As imagens mostram dezenas de corpos espalhados no interior da boate. Eram de pessoas que não conseguiram fugir da ira dos assassinos. No total, 129 pessoas morreram em sete ataques simultâneos na capital francesa. Um verdadeiro massacre. FOTO: WhatsApp

O VOTO AGORA PASSA A SER IMPRESSO...O PT FOI O ÚNICO PARTIDO QUE VOTOU CONTRA

A grande maioria dos senadores e deputados federais decidiu, na noite desta quarta-feira, 18, derrubar o veto da presidente Dilma ao projeto que obrigava a Justiça Eleitoral a implantar o voto impresso. O senador Alvaro Dias do PSDB votou pela derrubada do veto e pela implantação do voto impresso, por acreditar que o sistema de urnas eletrônicas, apesar de eficiente e moderno, não é totalmente seguro, e que a impressão do voto cria uma garantia ao eleitor, além de ampliar os meios possíveis para auditagem dos votos. A presidente Dilma foi derrotada e o voto impresso passa agora a ser obrigatório no Brasil.

segunda-feira, 16 de novembro de 2015

Agricultores de Nova Russas e de mais 14 municípios tem pagamento liberado do Garantia Safra

15 municípios são liberados para beneficio do Garantia Safra

Com essa inclusão o número de famílias beneficiadas pelo Garantia Safra subiu para 236.387

Resultado de imagem para garantia safra 2015A portaria 51 publicada no diário oficial do dia 13 de novembro apresentou 15 municípios liberados para pagamento do beneficiamento do Programa Garantia Safra correspondente a novembro de 2015. Essa liberação vai beneficiar 30.254 agricultores cearenses.
A primeira parcela do pagamento, em agosto, beneficiou mais de 50 mil famílias de 26 municípios cearenses. A segunda parcela, liberada em setembro beneficiou mais de 90 mil famílias. A terceira parcela em outubro beneficiou 10.677 famílias.
Os municípios inseridos na portaria foram: Arneiroz, Campos Sales, Crateús, Granja, Groaíras, Guaraciaba do Norte, Ipaporanga, Itapajé, Itatira, Mucambo, Nova Russas, Novo Oriente, Parambu, Potengi e Tamboril.
Segundo o coordenador de Crédito Rural e Políticas Afins, Arimatéia Gonçalves, os municípios que ainda não foram beneficiados não devem se preocupar. Devem buscar na coordenação estadual ou nacional as razões do não beneficiamento.
Com essa inclusão o número de famílias beneficiadas pelo Garantia Safra subiu para 236.387, em 111 municípios.

Para mais informações: 0800 280 3300

Garantia Safra
É o seguro que prevê a busca pela melhoria das condições de convivência dos agricultores com o semiárido. Ele cobre a perda por excesso de chuvas ou período de seca.
O programa atende agricultores familiares que produzem arroz, algodão, feijão, mandioca e milho no semiárido brasileiro, assegurando ao agricultor familiar com renda de até 1,5 salário mínimo por mês, renda de 640 reais pagos em quatro parcelas, em caso de secas ou enchentes que causem a perda de pelo menos 50% da produção do município.