segunda-feira, 30 de abril de 2012

Mudança: Narrador José Carlos Araújo está deixando a Rádio Globo do Rio


image Garotinho assinou contrato de 4 anos com a Rádio Bradesco


José Carlos Araújo, mais conhecido como Garotinho, assinou contrato de quatro anos com a Rádio Bradesco, novo projeto do Grupo Bandeirantes. A Rádio Bradesco Esportes FM é a primeira rádio do País com programação voltada para divulgação de todas as modalidades esportivas.

“A proposta da Rádio Bradesco, que é um projeto em conjunto com o Sistema Bandeirantes de Rádio, é ser um espaço voltado para a divulgação de múltiplos esportes, com foco especial nas modalidades olímpicas”, comenta Jorge Nasser, diretor de marketing do Bradesco.

As rádios entrarão no ar, no dial 94,1 Mhz em São Paulo e 91,1Mgz no Rio de Janeiro. “A rádio Bradesco Esportes estará preparada para fazer a cobertura dos grandes eventos esportivos, como as Olimpíadas e Paraolimpíadas, Copa do Mundo de Futebol, Jogos Panamericanos e muitos outros”, comenta Nasser.

Efeito Cachoeira se transforma em gigante onda de corrupção

O bicheiro Cachoeira está se transformando na maior onde de corrupção envolvendo parlamentares do Congresso Nacional. Como se não bastasse outros escândalos, ainda aparece o avassalador bicheiro que contribuiu com a triste realidade de membros dos príncipais partidos do país no topo dos mais corruptos.

DEMOCRATAS, PMDB E PSDB - OS TRÊS PARTIDOS MAIS CORRUPTOS DO BRASIL



DEM é o partido com maior volume de políticos cassados por corrupção. PMDB vem em segundo lugar


Com base em dados divulgados pelo Tribunal Superior Eleitoral, o Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral divulgou um balanço com os partidos com maior número de parlamentares cassados por corrupção desde 2000.

O DEMOCRATAS, com 69 cassações, tem o equivalente a 9,02% de todos os políticos cassados no período de apuração, sendo o campeão. Logo em seguida aparecem PMDB, PSDB, PP e PTB.

Veja, abaixo, o ranking das irregularidades eleitorais que resultaram em cassação em cada partido.

Criança encontra corpos de casal dentro de sacas de ração no Ceará

Quatro sacas de ração para cavalos foram usados para esconder os corpos.
Polícia ainda não tem pistas sobre o crime.

Do G1 CE
Quatro sacos de ração para cavalos foram usados para esconder os corpos. (Foto: TV Diário/Reprodução)Sacas de ração para cavalos foram usados para
esconder os corpos. (Foto: TV Diário/Reprodução)
Um casal foi encontrado morto dentro de sacas de ração para cavalo na manhã de domingo (30), em Caucaia, Região Metropolitana de Fortaleza. Segundo informações da Divisão de Homicídio e Proteção à Pessoa, o homem tinha nove perfurações pelo corpo e a mulher levou tiro na nuca. Quatro sacas de ração foram usados para esconder os corpos. De acordo com a polícia, somente o homem apresentava documentos de identificação. A vítima tinha 21 anos. A mulher carregava apenas uma pulseira com um nome gravado. Os corpos foram encontrados por um garoto de 10 anos na entrada da fazenda em que o pai dele é caseiro, no quilômetro 26 da BR-020.
De acordo com a polícia, o menino viu o pé de uma das vítimas e avisou o proprietário da fazenda que, por sua vez, acionou a Polícia Militar. A polícia agora tenta localizar a família do homem morto para conseguir pistas do que pode ter motivado as mortes. A delegacia Metropolitana de Caucaia deve conduzir as investigações.

 

sexta-feira, 27 de abril de 2012

Os melhores especialistas de comunicação do país debatem sobre os desafios da informação nas mídias sociais

Artur Roman, Jorge Duarte e Nino Carvalho

Sec. executiva de comunicação da presidência Yole Mendonça

Jornalista Luis Nassif

Bastante exitôso o IV Fórum de Comunicação do Governo Federal no Nordeste que aconteceu na quarta à noite em Fortaleza na sede do BNB no Passaré. O evento contou com um time dos melhores especialistas em comunicação social e institucional do país. Durante a palestra, grupo seleto de profissionais de mais ou menos 320 pessoas concentraram suas atenções para os discursos, debates, concepções e tendências do setor no tocante a qualidade e a celeridade da informação nas mídias sociais e o poder avassalador que terão na era denominada por Artur Roman de pós- modernidade. Aliás, foi a palestra que me contagiou pela maneira dinâmica que desenvolveu e expõs o tema (Comunicação interna e cultura organizacional) com pleno domínio, traçando um paralelo entre Cultura x Comunicação que devem estar intrínsecamente unidos. Todos os palestrantes foram excelentes, alguns não muito experts na didática, mas, porém, competentes em seus ofícios. Dizer que foi muito produtivo para o meu crescimento profissional e sempre que puder participarei de mais capacitações, porque é o que eu gosto, é o que me dá prazer e foi o que Deus me escalou pra seguir. Assim que se aprende a ser um bom profissional de comunicação ouvindo e vendo quem sabe mais, quem oferece mais ferramentas. A comunicação, essa ciência que nunca pára no tempo e que sua evolução é algo extraordinário e envolvente, pra isso é preciso que compreendamos suas nuances na diversidade da cultura e da modernidade. Não vou transcrever na íntegra sobre o Fórum, preferi pegar carona com o site oficial www.forumcomunicane.com.br. Só a título de informação, os palestrantes saõ doutores, pós doutores ou mestres em comunicação e alguns assumem chefias em empresas estatais e multinacionais. Petrobrás, Odebrecht, CEF, BNB, Banco do Brasil, Chesf, etc. No ciclo de palestras gostei do Márcio Polidoro, Artur Roman e do Luis Nassif. No encerramento foi servido um coquetel e entrega aos vencedores do prêmio BNB de jornalismo 2011.

O acesso à informação é um direito do cidadão, afirma Luiz Menescal


Luiz Fernando Menescal (CGU) e Eduardo Gaspar (BNB).
Dando início ao painel de palestras do IV Fórum de Comunicação do Governo Federal no Nordeste, o chefe da Controladoria da União – Regional Ceará, Luiz Fernando Menescal, falou sobre “Lei de acesso à informação”. Segundo ele, o Brasil, nos últimos anos, tem passado por um processo de fortalecimento de controle social, que é um mecanismo fundamental para se consiga garantir maior efetividade e eficiência na realização do gasto público.
Por melhores que sejam os mecanismos de controle de que dispõem as instituições destinadas a realizar esse tipo de trabalho no país, o Brasil não conseguirá uma efetividade plena, se não houver, simultaneamente, um controle social pleno. Para que esse controle seja pleno, é necessário garantir dois aspectos: o primeiro é a qualificação, o outro é a transparência. Qualificação e transparência são ferramentas que devem ser disponibilizadas à sociedade, garantindo que ela consiga exercer seu papel social.
Em termos de qualificação, a Controladoria Geral da União (CGU) tem feito nos últimos anos, basicamente por meio do programa Olho vivo no dinheiro público, várias ações no sentido de qualificar conselheiros e agentes públicos municipais, levando aos pequenos municípios do país, informação, treinamento e qualificação que antes não existia.
De acordo com Luiz Fernando Menescal, temos também alguns Programas voltados para a gestão. No âmbito municipal, nós temos o Fortalecimento da Gestão Pública, que é dirigido aos gestores municipais, e no âmbito federal nós temos o Programa Capacitarh, que busca a capacitação dos servidores públicos federais.
Esse esforço é coordenado para levar informação e garantir a qualificação da sociedade como um todo, especialmente dos gestores, agentes públicos e de membros dos Conselhos, que acabam também por exercer, nas atribuições desses Conselhos, um importante papel do controle primário de vários programas e ações.
Quando se fala sobre transparência, sempre se faz uma ressalva de que a transparência tem que garantir ao cidadão que aquela informação disponibilizada seja compreensível e acessível. Porém, não se pode perder de vista que estamos tratando sobre temas relativamente áridos, não são temas muito simples para serem tratados na linguagem simplória. Então de fato, o que precisamos, além da transparência, é levar a capacidade de entendimento do cidadão, explica o Chefe da CGU.
Luiz Menescal fez referência ainda ao ano de 2004, quando foi lançado o Portal de Transparência do Governo Federal, veículo considerado essencial no aspecto de acesso à informação.  O Portal foi lançado ainda sem que houvesse, naquele momento, por parte da legislação, qualquer obrigação em termos de disponibilização das informações orçamentárias e financeiras.
Mesmo assim o Governo Federal fez questão de abrir ao cidadão informações que, até então, eram inacessíveis. Outros órgãos já aderiram as práticas da lei, porém, em termos da Lei de Acesso à Informação, nós ainda não estamos em tempos de respostas, e sim de perguntas”, finaliza. O IV Fórum de Comunicação do Governo Federal no Nordeste na sede do Banco do Nordeste (BNB), em Fortaleza (CE). A abertura do evento foi realizada pelo chefe do Gabinete da Presidência do BNB, Robério Gress



O jornalismo mudou. Acabou o monopólio da Imprensa sobre a notícia, enfatizou o jornalista Luís Nassif, durante sua apresentação no IV Fórum de Comunicação do Governo Federal no Nordeste, intitulada Blogs Jornalísticos e Corporativos: Uma Nova Forma de Comunicação.
Na oportunidade, Nassif fez um resgate histórico do papel da mídia brasileira – que, segundo ele, desde a redemocratização assumiu, gradualmente, o papel de definir os rumos do sistema político nacional –, destacando que essa atuação mudou a partir de 2005, com o fim das barreiras para ingressar no mercado midiático.
- O quadro atual é o seguinte: rompeu-se a capacidade de manipular informações após a chegada de grandes grupos internacionais. Além disso, com as redes sociais, a disseminação da notícia é fantástica, o que é positivo, mas também pode gerar um caos informativo grande, pois falta tempo para amadurecer a notícia, avaliou.
Upgrade
Para o jornalista, pode-se falar em um upgrade no jornalismo, uma vez que as informações – antes compartilhadas na íntegra apenas entre jornalista e fonte –, passaram a ser mais democráticas.
- Cada vez mais temos agências de informação ligadas a órgãos públicos e privados. O modelo de fazer jornalismo muda, pois você passa a ter um grupo que agrega e interpreta informações. Quando buscamos informação oficial, por mais parcial que possa ser, sabemos que é segura. Então, podemos substituir as aspas pela informação oficial dos blogs, afirmou.
Partindo desse panorama, Nassif ressaltou a necessidade de mudança no comportamento dos comunicadores.
- Não é só fazer matérias, escrever releases, ter acesso às fontes. É preciso entender a comunicação como ferramenta de guerra e agir como gestor, uma vez que as redes sociais atuam de forma pouco seletiva. O trabalho é maior do que nunca: é organizar e sistematizar informações, unificar o que é crítico, fazer uma leitura especial do que está sendo dito e o que está por trás daquela notícia, assegurando assim uma forma adequada de agir em cada situação”, concluiu.



A Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) busca viabilizar soluções de pesquisas e inovação para sustentabilidade da agricultura em benefício da sociedade brasileira e usa a comunicação como centro estratégico de desenvolvimento. Considerada um dos pilares da empresa, acompanhada pela pesquisa e o desenvolvimento institucional, as formas de comunicação utilizadas pela Embrapa foram apresentadas no IV Fórum de Comunicação pelo jornalista e assessor de comunicação da Embrapa Agroindústria Tropical (Fortaleza-CE), Ricardo Moura Cavalcante.
Com 30 profissionais no Nordeste, a Embrapa conta com um sistema de comunicação, Sicom, que utiliza ferramentas estratégicas no auxílio da informação como manuais, guias, banco de imagens, estudo de cenários, guia de fontes, rede de comunicador e normas. Para a comunicação interna, a empresa conta com veículos que facilitam o conhecimento dos colaboradores como todos.com, Mural Acontece, Folha da Embrapa e outros.
E para comunicação externa a Embrapa tem o Banco de Notícias e a Revista Agroindústria Tropical, além de fazer uso das redes sociais. Segundo Ricardo Moura, os resultados atingidos com a melhoria da comunicação dentro da empresa se deram com o fortalecimento da marca, uma nova visão organizacional, cultura interna mais favorável, maior unicidade de discurso e o próprio desenvolvimento da Embrapa perante o público.



Cada ação operacional de uma empresa representa ato de comunicação, foram com essas palavras que o jornalista, diretor de Comunicação da Organização Odebrecht e da Aberje, Márcio Polidoro iniciou sua palestra sobre Comunicação Integrada e Planejamento.
Defendendo o ponto de vista que o assessor tem que atuar como educador da comunicação de uma empresa, o jornalista desenvolveu a ideia explicando que, além de servir como ponte externa (empresa e clientes/interessados), um comunicador deve atuar, especialmente, dentro do local de trabalho, planejando e se comunicando. A comunicação nas empresas serve para construir imagem e a reputação. Por isso, desenvolver um trabalho sólido, em que todos saibam qual a função da empresa, qual o principal foco e quais as qualidades do local de trabalho representa muito na hora de gerar negócios, argumentou Márcio Polidoro.
Para o jornalista, esse tipo de comunicação se resume em duas palavras chaves: sinergia (conquista da plateia) e a transversalidade (apoio especializado), que reflete de forma satisfatória e mostra o quanto a empresa se encontra qualificada para tratar dos mais diferentes assuntos. O trabalho do comunicador é transpassar aspectos não percebidos, mas que fazem a diferença.

Patrocínio também é estratégia comunicacional



Os painelistas Taís Reis, da Petrobras, e Francisco Wander, do Banco do Brasil, demonstraram como as empresas atingiram seus objetivos comunicacionais por meio do instrumento de patrocínio. De acordo com Taís, desde os anos 1980, a Petrobras realiza ações de patrocínio voltadas para a cultura. A empresa busca projetos que estejam em consonância com os valores e objetivos contidos na sua missão e visão. Nós achamos, na cultura, um ponto de aproximação entre os públicos de relacionamento da nossa Instituição – explica.
A Petrobras tem, hoje, o programa Petrobras Cultural, dividido em três linhas de atuação: Presença e Memória, Produção e Difusão, e Educação para Artes. Ainda segundo a painelista, a divisão dos projetos em linhas proporcionou uma integração maior das áreas, além do atendimento a um público mais diversificado.
- Há duas formas de entrada de projetos para o patrocínio: seleção pública e escolha direta. A forma também mostra muito sobre os valores da empresa. É importante que se faça a seleção pública para demonstrar a probidade e transparência do processo.
O público também cobra muito que não se patrocine qualquer coisa – disse.  Conselhos de vovó – Como vovó dizia: dize-me com quem andas, que eu te direi quem és. Com essa frase, Francisco Wander explicou a estratégia adotada pelo Banco do Brasil (BB), em 1991, para diminuir a média da faixa etária de seus clientes, que era de 57 anos na época.
O sênior de Marketing e Comunicação disse que o Banco procurou, no patrocínio esportivo, uma solução para o problema. O BB buscou, então, um esporte que tivesse apelo para o público jovem na época. E assim, começou a apoiar a seleção brasileira de vôlei. – Houve identificação com as cores da camisa do Brasil e o amarelo da nossa marca.
Nas olimpíadas, os torcedores brasileiros utilizaram a blusa espontaneamente, como forma de apoio ao Brasil. Como a estratégia deu certo, o BB continuou a adotá-la. No ano 2000, começou a patrocinar o tenista Gustavo Kuerten (o Guga), como uma forma de conquistar os clientes classe A, conhecidos como Estilo ou Private. Em 2001, apoia Robert Scheidt, na vela, seguindo o mesmo raciocínio. A partir de 2005, começou a patrocinar o Futsal, com intuito de realizar ações de marketing com o grande público, em quadras lotadas.
- A partir do patrocínio também fizemos ações de relacionamento com os clientes, por meio de sorteio de jantares com atletas ou viagens para eventos esportivos, e ações de endomarketing, privilegiando o público interno.  Como resultado, o BB tem figurado no Top of Mind desde 1991, como líder na categoria Banco. A idade média dos clientes baixou, também, para 41,5 anos, em 2012, depois de 21 anos.

Informação em tempos de Mídias Sociais



A programação da manhã do IV Fórum de Comunicação do Governo Federal no Nordeste terminou com a palestra do jornalista e consultor em Marketing Digital, Nino Carvalho, que discutiu o tema Assessoria de Imprensa e Mídias Sociais.
O foco da palestra foi o uso das mídias sociais como potenciais disseminadores de conteúdo institucional. Nino Carvalho esclareceu que as assessorias de imprensa e comunicação, caso utilizassem estrategicamente as redes sociais, poderiam fazer com que as informações institucionais tivessem um maior alcance.
Entre os pontos principais, o jornalista observou que as assessorias devem entender a dinâmica do mercado e enxergar a força dos produtores informais de comunicação como eixo de cooperação para a disseminação de informações:
- Até as organizações mais preparadas têm dificuldade com o relacionamento nas redes sociais, destacou.
A apresentação foi encerrada com uma reflexão sobre a necessidade da adaptação das empresas às novas tecnologias, principalmente, devido ao contato crescente das novas gerações com as ferramentas digitais.


A declaração é do consultor em Comunicação Organizacional e professor da FAE Business School de Curitiba, Artur Roman, que durante o IV Fórum proferiu a palestra Comunicação Interna e Cultura Organizacional, destacando a importância de se avaliar os diversos tipos de discursos produzidos nas empresas.
Segundo afirma, órgão que não é objetivo em seus comunicados, não tem objetividade em suas ações. Ele reforçou que a comunicação não deve ser pensada enquanto uma transferência de informação de um emissor para um receptor, mas como um diálogo em que as pessoas estabelecem relações de toda natureza.
Roman salientou que a pós-modernidade trouxe incertezas com as quais as empresas precisam aprender a conviver.
- Não existe mais o discurso que diz que nossa empresa está mudando. Acabou a fase de mudança, porque estamos mudando o tempo todo. O principal desafio nesse momento é a babelização do ambiente de trabalho. São pessoas com histórias de vida diferentes, que querem falar, que passam 8 horas por dia juntas ou mais, cumprindo metas que não foram estabelecidas por elas. São sujeitos que querem ser reconhecidos dentro de suas singularidades, considerou.
Para o consultor, por mais forte que seja a cultura de uma organização, um projeto bem estruturado de comunicação é capaz de alterar seus valores. Para isso, é preciso saber gerenciar os discursos mal-ditos (fofocas), bem-ditos (oficiais) e não-ditos (silenciados).
- Empresa que limita muito o mal-dito, gera o não-dito. Tem que trabalhar o bem-dito e não mexer no mal-dito, pois ele dá vida às organizações e orienta ações. Quem se preocupa com fofoca, perde tempo, avaliou.
Roman enfatizou que se adotasse a objetividade como princípio básico.
- A estrutura textual deve seguir o modelo SAC: solicita, argumenta e considera. Uma frase que começa com ‘lembramos ainda que…’ está fadada ao esquecimento. É preciso ser direto para se gerar o resultado esperado, garantiu.

O direito à informação é um exercício de cidadania, um direito do cidadão e um dever do Estado. Essa foi a frase escolhida pela Secretária Executiva de Comunicação da Presidência da República, Yole Mendonça, para iniciar a palestra de encerramento do Fórum. Como tema, a relação entre Comunicação Pública e Comunicação Governamental. 
Yole Mendonça destacou o direito do cidadão em receber informação de qualidade, sendo esta uma premissa para os profissionais de comunicação da área governamental.  – É preciso contribuir com a informação para melhorar a qualidade dos serviços públicos. A jornalista também observou a necessidade da manutenção de veículos institucionais que valorizem a integridade e o diálogo transparente com o cidadão: 
- Muita gente acessa o site [do Governo Federal], independente dos veículos. Busca as informações de fontes primárias. Isso é bom. Isso é transparência.
Mendonça apresentou ainda seis pontos-chave essenciais para a comunicação pública: verdade, transparência e ética como pilares para o trabalho dos profissionais em comunicação; foco nas políticas públicas e, principalmente, no cidadão; uso de pesquisa e diagnósticos para o desenvolvimento de estratégias; monitoramento dos pontos de contato (site, perfis nas redes sociais etc); profissionalização, fortalecimento e criação de uma cultura de comunicação em toda a empresa; e tratar a imprensa qualificando o debate.
Em nome da equipe organizadora, Roberto Gress, chefe do gabinete da Presidência do Banco do Nordeste, encerrou o Fórum, agradecendo e parabenizando a todos os participantes do evento.


segunda-feira, 23 de abril de 2012

Porque não assinaram ?

Aníbal Gomes (PMDB), Arnon Bezerra (PTB), Eudes Xavier (PT), José Linhares (PP), Manoel Salviano (PSD), Mauro Benevides (PMDB) e Vicente Arruda (PR) não assinaram a CPI do Cachoeira, que foi instalada na semana passada no Congresso Nacional. Estes são os sete deputados federais eleitos pelo Ceará e que preferiram fazer "ouvido de mercador", ao invés de assinar a comissão parlamentar de inquérito para investigar denúncias de corrupção envolvendo o bicheiro Carlinhos Cachoeira e diversos políticos brasileiros, como o senador Demóstenes Torres (DEM), tido como ético, moralizador e paladino da verdade, cuja máscara caiu. É bom frisar ainda que o senador Eunício Oliveira (PMDB), presidente da Comissão de Constituição e Justiça do Senado Federal, também não assinou o documento, frustrando os cearenses. Que papelão, hein?

Gov. Federal e BNB promovem IV Fórum de Comunicação do Nordeste no Ceará

Será nesta quarta na capital cearense, IV Fórum de Comunicação do Governo Federal no Nordeste. O evento, que acontece no próximo dia 25 de abril, em Fortaleza, tem como objetivo promover a troca de experiências e o nivelamento de profissionais de comunicação e cultura de entidades públicas.

Promovido pelo Banco do Nordeste do Brasil (BNB) e pela Secretaria de Comunicação do Governo Federal (Secom), o Fórum chega a sua quarta edição trazendo nomes como a ministra-chefe da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República, Helena Chagas, e o jornalista Luís Nassif, diretor da Agência Dinheiro Vivo e comentarista televisivo.

Serão discutidos assuntos como assessoria de imprensa e mídias digitais, comunicação integrada e planejamento, além da temática blogs corporativos e jornalísticos.

As inscrições são gratuitas e podem ser realizadas no site www.forumcomunicane.com.br . As vagas serão destinadas, preferencialmente, a profissionais de comunicação ligados a instituições governamentais, da administração direta e indireta.

Durante o evento, haverá a entrega do Prêmio Banco do Nordeste de Jornalismo em Desenvolvimento Regional (edição de 2011).

Programação - IV Fórum de Comunicação do Governo Federal no Nordeste

Dia 25/abril/2012 - Auditório Celso Furtado - sede do Banco do Nordeste do Brasil - Bairro Passaré - Fortaleza/Ceará/Brasil
08:00h: Credenciamento
08:30h: Abertura
08:45h: Lei de Acesso à Informação - Luiz Fernando Menescal de Oliveira - Chefe da Controladoria da União – Regional Ceará.
Mediador: Eduardo Gaspar - gerente de Publicidade e Mídias Digitais do Banco do Nordeste.
09:30h: Debates
09:45h: Comunicação interna e cultura organizacional: Artur Roman - Consultor em Comunicação Organizacional, doutor em Comunicação pela USP e pós-doutor em Sociologia pela Sorbonne Paris.
10:30h: Case “Revista Gente da Caixa - Nelito Falcão - gerente executivo de Comunicação da Caixa Econômica Federal.
10:45h: Case “Mídias digitais internas” - Mauricio Lima - gerente de Comunicação Social do Banco do Nordeste.
Mediador: Mauricio Lima.
11:00h: Debates
11:15h: Intervalo
11:30h: Assessoria de imprensa e mídias sociais - Nino Carvalho - Consultor em Marketing Digital, coordenador de MBA da FGV, mestre em Administração e pós-graduado em Marketing e Estratégia no Reino Unido.
Mediadora: Michelly Nunes - gerente executiva de Imprensa e Produção Editorial do Banco do Nordeste.
12:15h: Debates
12:30h: Almoço
14:00h: Patrocínio como instrumento de comunicação
Taís Wohlmuth Reis - Gerente de Patrocínio Cultural da Petrobras e responsável pela gestão do Programa Petrobras Cultural.
Francisco Wander da Silva - Sênior de Marketing e Comunicação do Banco do Brasil.
15:00h: Case “Embolada”
Lia Raquel Medeiros de Albuquerque - Publicitária na Coordenadoria Especial de Relações Institucionais da Chesf.
Jussara Pettini Freire - sócia da Martpet Comunicação, formada em Publicidade pela ESPM de São Paulo.
Mediador: Bruno Gama - gerente executivo de Patrocínio do Banco do Nordeste.
15:15h: Debates
15:30h: Comunicação Integrada e planejamento - Márcio Polidoro - Jornalista, diretor de Comunicação da Organização Odebrecht e do capítulo São Paulo da Aberje.
16:15: Case “Gestão estratégica da comunicação” - Ricardo Moura Braga Cavalcante - Jornalista da Embrapa Agroindústria Tropical.
Mediador: Jorge Duarte - diretor do Núcleo de Comunicação Pública da Secom/PR.
16:30h: Debates
16:45h: Intervalo
17:00h: Blogs jornalísticos e corporativos - uma nova forma de comunicação - Luís Nassif - Jornalista, diretor superintendente da Agência Dinheiro Vivo e comentarista econômico do Jornal da TV Brasil.
Mediador: Paulo Mota (irmão do prefeito de Tamboril Jeová Mota) - assessor especial da Presidência do Banco do Nordeste.
17:45h: Debates
18:00h: Comunicação Pública x Comunicação de Governo - Yole Mendonça - Secretária Executiva de Comunicação Social da Presidência da República.
19:00h: Entrega do Prêmio Banco do Nordeste de Jornalismo em Desenvolvimento Regional - edição 2011
 
Em tempo: Se Deus quiser estarei presente neste evento, que é considerado o maior do gênero aqui na região Nordeste. O destaque do IV Fórum de Comunicação do Governo Federal no Nordeste, sem sombra de dúvidas, será a palestra ministrada pelo jornalista Luís Nassif, diretor superintendente da Agência Dinheiro Vivo e comentarista econômico do jornal da TV Brasil. Ele abordará o tema: "Blogs jornalísticos e corporativos - uma nova forma de comunicação".

Agora é oficial !!!

      Hoje no final da manhã, chegou ao gabinete do prefeito, fax da coordenadora do cerimonial do Governo do Estado, confirmando para a próxima quinta-feira, dia 26 de Abril de 2012, às 19h solenidade de inauguração da Escola Estadual de Educação Profissional Manoel Abdias Evangelista. Presenças do governador Cid Ferreira Gomes, Secretários de estado, Prefeitos e Vereadores da região, profissionais da educação e diversos segmentos da sociedade local e regional. O Governador Cid e comitiva, será recepcionado pelo prefeito anfitrião Paulo César Evangelista.










Nova Russas receberá veículo para o PSF (Sec. da saúde do Estado)

Governador entrega 159 veículos para saúde dos municípios dia 23


Para ampliar e melhorar o Programa Saúde da Família dos municípios, o Governador Cid Gomes e o secretário da saúde do Estado, Arruda Bastos farão a entrega nesta segunda-feira, 23, de 159 veículos a prefeitos de 143 cidades, às 20 horas.  A entrega ocorrerá na noite de abertura da II Marcha Municipalista do Ceará, realizada pela Associação dos Municípios do Estado do Ceará (Aprece), no Centro de Negócios do Sebrae, avenida Monsenhor Tabosa, 777, até quinta-feira, 25. Com os novos veículos, destinados exclusivamente para o Programa Saúde da Família, o Governo do Estado quer qualificar e facilitar o transporte de equipes de saúde da família da sede para os distritos e assim assegurar atendimento às famílias que moram mais distantes dos serviços de saúde.

Os 143 municípios contemplados com os novos veículos, em dezembro de 2010 se encontravam com adesão e alimentando o sistema de classificação de qualidade da Avaliação para Melhoria da Qualidade da Estratégia Saúde da Família (AMQ). Dos 143 municípios, 16 receberão dois veículos por manterem 10 ou mais equipes de saúde da família realizando avaliação da qualidade da atenção básica. Os demais municípios receberão um veículo. A aquisição dos veículos foi feita com recursos do Governo do Estado. O investimento foi de R$ 5.200.999,71 e constitui-se ação estratégica para a Operação Swap II.

Além do apoio com veículos, 150 municípios receberam recursos para a construção de Unidades Básicas de Saúde da Família. Reconhecendo os que avançam nas ações da atenção básica às famílias e para estimular novos resultados, o Estado investiu nas obras das UBSFs em 150 municípios que apresentaram cobertura de pelo menos 70% do PSF, realizaram no mínimo quatro consultas às gestantes e ainda aderiram aos consórcios públicos para o custeio compartilhado das policlínicas e Centros de Especialidades Odontológicas regionais. No total, o investimento soma R$ 26,6 milhões. Das 150 unidades, 130 já foram concluídas e entregues à população. O restante está em fase de conclusão.   


Municípios que vão receber 2 veículos

Barbalha Maracanaú Senador Pompeu
Brejo Santo Mauriti Sobral
Itapipoca Morada Nova Trairi
Itarema Paracuru Ubajara
Jardim Russas  
Limoeiro do Norte Santa Quitéria  


Municípios que vão receber 1 veículo

Abaiara Granja Ocara
Acaraú Granjeiro Orós
Aiuaba Groaíras Pacajus
Alcântaras Guaiúba Pacujá
Alto Santo Guaraciaba do Norte Palhano
Amontada Hidrolândia Paraipaba
Apuiarés Horizonte Parambu
Aquiraz Ibiapina Paramoti
Ararendá Ibicuitinga Pedra Branca
Araripe Icó Penaforte
Aratuba Independência Pentecoste
Arneiroz Ipaporanga Pereiro
Aurora Ipu Pindoretama
Barro Ipueiras Pires Ferreira
Barroquinha Iracema Poranga
Baturité Irauçuba Porteiras
Bela Cruz Itaiçaba Potengi
Boa Viagem Itaitinga Potiretama
Camocim Itapajé Quiterianópolis
Caridade Itapiúna Quixeré
Cariré Itatira Redenção
Caririaçu Jaguaretama Reriutaba
Carnaubal Jaguaribara Santana do Acaraú
Cascavel Jaguaribe Santana do Cariri
Catunda Jaguaruana São Benedito
Caucaia Jati São Gonçalo do Amarante
Cedro Jijoca de Jericoacoara São João do Jaguaribe
Chaval Juazeiro do Norte São Luiz do Curu
Choró Madalena Tabuleiro do Norte
Chorozinho Marco Tamboril
Coreaú Martinópole Tauá
Crateús Massapê Tejuçuoca
Crato Meruoca Tianguá
Croatá Milagres Tururu
Cruz Miraíma Umari
Ererê Missão Velha Umirim
Eusébio Monsenhor Tabosa Uruburetama
Farias Brito Moraújo Uruoca
Forquilha Morrinhos Varjota
Fortaleza Mucambo Várzea Alegre
Frecheirinha Nova Olinda Viçosa do Ceará
General Sampaio Nova Russas  
Graça Novo Oriente  

domingo, 22 de abril de 2012

TCE-CE promoverá concurso para preenchimento de 14 cargos


Para o cargo de auditor o subsídio será de R$ 22.911,74 para o inicio de categoria.
O Tribunal de Contas do Estado do Ceará (TCE-CE) realizará concurso, em 2012, para preenchimento de 14 cargos. O edital tem divulgação prevista para este semestre. O presidente do Tribunal, conselheiro Valdomiro Távora, esteve recentemente em São Paulo, tratando do assunto com a direção da Fundação Carlos Chagas (FCC), provável organizadora do concurso - que será destinado ao preenchimento de uma vaga para o cargo de auditor substituto de conselheiro, três vagas de procuradores de contas e dez vagas de técnico de controle externo.
Para o cargo de auditor, as atribuições incluem as de presidir a instrução de processos que lhe forem distribuídos, relatando-os com propostas de decisão a ser votadas pelos integrantes do pleno ou da Câmara para a qual for designado; e de substituir conselheiro, quando convocado. O subsídio para o cargo é de R$ 22.911,74.
O procurador de contas tem, entre outras atribuições, as de promover a defesa da ordem jurídica, requerendo ao Tribunal as medidas de interesse da Justiça, da Administração e do Erário; e de promover ações judiciais destinadas à proteção desses interesses, quando necessários e pertinentes à sua atuação funcional. Para o cargo, o subsídio é de R$ 24.117,62.
Quanto ao preenchimento das dez vagas para os cargos de técnicos de controle externo, a remuneração sem adicional de titulação é de R$ 3.479,48. O valor pode chegar até R$ 4.113,61, de acordo com o percentual da parte variável da Gratificação de Desempenho da Carreira de Controle Externo (GDCE) e a titulação do servidor.
Assessoria de Comunicação Social

Polícia Militar pode entrar em greve novamente no Ceará

A Polícia Militar do Ceará pode anunciar uma nova paralisação em breve. Isso porque, segundo o Capitão Wagner, alguns acordos firmados com o Executivo Estadual não estão sendo cumpridos. “Dos sete pontos da pauta, apenas três foram cumpridos. A gente não está vendo sinalização para o cumprimento do restante dos quadros: a questão da promoção, do reajuste 2013-1014, do Código de Ética e da hora extra. Não recebemos nem uma proposta do Governo e o prazo se encerra no dia 4 de maio”, afirmou o líder militar. De acordo com Wagner, a indisposição para o cumprimento do acordo firmado em janeiro pode provocar uma nova paralisação da categoria. “O Governo não se posicionou e a gente está vendo que há uma dificuldade de cumprir essa pauta”, concluiu o Capitão.


Fonte: Portal C News

sexta-feira, 20 de abril de 2012

Essa é pra Rir ....

DOIS VELHOS NUM PUTEIRO.  
Dois coroas setentões, depois de encherem a cara, decidem ir a uma casa de baixo meretrício. A Cafetina olha bem para os dois e chama a sua gerente: 
- Vá aos dois primeiros quartos e coloque uma boneca de inflar em cada cama.
Esses dois estão tão velhos e bêbados que não vão notar a diferença e não vou gastar minhas meninas com esses dois.

A gerente cumpre as ordens e os dois coroas vão para os seus respectivos quartos e 'fazem os seus deveres de casa'.
Já no trajeto de volta para casa, um dos coroas diz:

- Acho que a mulher que estava comigo estava morta!
- Morta? Diz o outro. Porque você acha isso?

- É que ela estava fria, não se moveu e não falou nada enquanto eu fazia amor com ela.

- Podia ter sido pior, diz o outro... Eu acho que a minha era uma bruxa!

- Uma bruxa!!! Por que cargas d'água você acha isso?

- Bem,.......é que eu estava nas preliminares e dei uma
mordida na bunda dela.

Daí Cumpadre, o caos tomou conta do quarto...

... ela peidou na minha cara, .........saiu voando pela janela e ainda por cima levou a minha dentadura presa na bunda !!!!


 

quinta-feira, 19 de abril de 2012

97 anos de invejável trajetória de vida

Hoje está aniversariando o avô da minha esposa e meu grande amigo José Jorge Paulino. Com 97 anos, seu Jorge ainda capina, planta e colhe. Tem uma trajetória de vida que vai servir de legado e exemplo para  todos os seus descendentes. Com a força do seu trabalho, honestidade e dignidade trabalhou ao lado do grande amor da sua vida Dona Josefa de Sousa Leite, criou e educou uma próle de 15 filhos, morreram 4. Hoje são 8 homens e 3 mulheres, muito bem sucedidos, unidos e felizes. A família do Patriarca Paulino,é composta por 11 filhos, 27 netos e 12 bisnetos. O casal está junto há 66 anos e com a graça Divina, a numerosa família se prepara para o centenário do Sr. Jorge que mesmo internado em hospital de Campos Sales, foi liberado para apagar velinha junto com os seus familiares. Todos, estão unidos em oração para sua provável cirurgia cardíaca e que retorne com toda jovialidade que lhe é peculiar para trazer alegria para o seio familiar. Parabéns e que Deus lhe assista neste momento delicado que é dividido por todos.

Prefeito safenado e licenciado surpreende e reassume Prefeitura

O prefeito Paulo Evangelista licenciado do cargo durante o período de 12 dias, de forma surpreendente retornou ao município hoje por volta das 10h e 30min de helicóptero, sendo recepcionado calorosamente por cerca de 130 funcionários, amigos e correligionários. Do campo de pouso (Estádio Municipal), Paulo Evangelista, seguiu direto para o paço municipal, onde reaasumiu o posto de chefe do executivo e ainda concedeu entrevista para TV Diário e emissoras da região. Ao ser questionado, o que teria motivado o prefeito abreviar em menos de 24h seu retorno ao município, Paulo um pouco abatido o que é natural, foi taxativo e contundente que sua decisão foi tomada depois de ser informado, que o prefeito em exercício pós posse, foi à prefeitura e encontrou no fim da tarde servidores dos setores de contabilidade e licitação trabalhando nos sistemas on line para envio de dados ao SIM (Sistema de Informações dos Municípios) cujo prazo se encerra dia 30, mas por cautela da administração houve mudança para o dia 20, fato que redundou numa situação desagradável cometida pelo prefeito em exercício e aliados desferindo acusações que colocaram em dúvida a honestidade dos servidores, teria sido o principal motivo e a iminência de desmandos administrativos afirmados na entrevista. Ainda, segundo o prefeito,estando convalescente, sabendo da perseguição gratuíta, mesmo em fase inicial de recuperação antecipou seu retorno para assumir a municipalidade. Depois de despachar, o prefeito retorna à capital para continuar se recuperando da cirurgia. Contudo, retorna na quarta-feira, com a comitiva do Governador para solenidade de inauguração da Escola profissionalizante Manuel Abdias Evangelista. Outro fato que não foge à regra, em Nova Russas mais um pra coleção de acontecimentos inusitados. Aliás, Nova Russas deveria mudar de nome para Nova Inusitada.
Equipe da saúde recepcionando o prefeito
                                                                                           





    

quarta-feira, 18 de abril de 2012

Vereador deixa presidência da Câmara e assume Chefia do Executivo

Reviravolta e tomada de posição que surpreendeu muita gente. O vereador Chiquinho Diogo na tarde de hoje, abriu mão da presidência do poder Legislativo, do qual administrava aproximadamente R$ 90 mil reais de repasse mensal para assumir a prefeitura de Nova Russas por 12 dias como prefeito em exercício, tempo de licença médica do prefeito convalescente Paulo Evangelista. Além disso, Chiquinho Diogo se deu o luxo de não disputar nenhum cargo eletivo em virtude de sua inelegibilidade. O ex-presidente e agora prefeito é sobrinho de um potencial pré candidato a prefeitura de Nova Russas, Gonçalo Diogo e teria amplas possiblidades de ser um dos vereadores mais bem votados. Os discursos foram os mais elogiosos, pelo gesto de grandeza  e tudo o mais, com alguns exagerando na rasgação de seda, numa patente demagogia e puxasaquismo descarado de figuras já conhecidas. O fato é, ninguém abdica do muito, por uma simples vaidade ou de ser complacente com ninguém, ainda mais com o seu gupo opositor de outrora. Tudo bem, que a transição foi feita em clima harmonioso  em detrimento da situação, mas está em jogo, um destino político e administrativo que pode ser o inicio da batalha eleitoral, é o primeiro round, o vereador se antecipou e não permitiu que o decreto governamental ocupasse a vacância por um membro do governo, e esse jogo está apenas começando. A pergunta é, qual será o escopo do prefeito em exercício Chiquinho Diogo nestes 12 dias ? Quem serão seus principais algozes ? Cumprirá à risca o seu discurso ? Quais serão seus atos administrativos ? São várias perguntas e questionamentos que muitos fazem e que a resposta virá  ou não !!!  Outra pergunta, será se o tempo é suficiente para o prefeito em exercício colocar em prática seus reais objetivos ? ou haverá surpresas nos próximos dias ?.
Em Nova Russas, do início de  2009 pra cá aconteceram vários tsunamis politicos e administrativos, os maus presságios da gestão passada continuam intensos e contagiosos. Coincidentemente,há um ano atrás, o prefeito Paulo Evangelista era empossado e hoje dia 18 de abril Chiquinho Diogo assume a prefeitura. Foram 3 prefeitos em 3 anos, 3 meses e 18 dias. A cadeira de mais de R$ 5 mil reais estaria amaldiçoada ? Depois da cassação do primeiro prefeito por vários crimes contra o erário público, o segundo foi submetido a uma delicada cirurgia e o que poderá acontecer com o terceiro ? Que Deus e Nossa Senhora das Graças ilumine os nossos governantes e boa sorte para o prefeito em exercício e que esse ciclo de consequências drásticas se encerre no dia 01 de janeiro de 2013 com a posse de mandatários que tenham compromisso com a coletividade.      

Aneel aprova redução na conta de energia do Ceará em 7,61%


A Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) aprovou  o reajuste tarifário da Companhia Energética do Ceará (Coelce). A nova tarifa entrará em vigor a partir do próximo dia 22, beneficiando 2,8 milhões de unidades consumidoras em 184 municípios cearenses.
De acordo com a Aneel, o valor final do reajuste da Coelce resultante desses processos será de uma redução de –7,61%.

terça-feira, 17 de abril de 2012

(Nova Russas) Procurador deverá assumir a municipalidade

Dois importantes comunicados foram enviados a Câmara Municipal pelo Chefe do Executivo

Decreto, Nº 319/2012 que indica o procurador do município Dr. Pedro Henrique para ocupar a vaga do prefeito e o outro licença médica;




 

segunda-feira, 16 de abril de 2012

Plágio é crime, falta de ética e burrice


José Marcos Taveira

A Cia dos Blogueiros foi movimentada recentemente por uma denúncia de plágio. O caso motivou a criação de um Conselho de Ética . O assunto é muito sério, merece a reflexão de todos e o início de uma campanha para conscientizar nossos colegas blogueiros sobre todos os problemas provocados pela cópia de conteúdo de terceiro. Além de ser crime, é uma falta de ética tremenda e uma grande burrice por parte do usurpador, pois deixa de pensar para usar a intelectualidade de outra pessoa.

A Rede Infoseg, da Secretaria Nacional de Segurança Pública, órgão vinculado ao Ministério da Justiça, tem um ótimo artigo sobre o tema. Destaco dois trechos:

Além de ser crime, o plagiador está se negando a pensar. O reflexo disso no futuro será uma sociedade sem cultura, sem personalidade e sem capacidade de promover sua inteligência. E hoje, não se pode mais contestar que o progresso cultural, intimamente ligado ao progresso econômico, representa um "meio eficaz no objetivo principal dos direitos humanos", ou seja, a manutenção da paz e da segurança internacional.

A Constituição Federal Brasileira ampara a propriedade intelectual como direito fundamental, garantindo tanto o interesse privado dos autores e criadores quanto o direito social na preservação da memória e da cultura do povo e na transferência de conhecimento para gerar desenvolvimento.


Minha vez - Sempre tive a primazia de, quando costumeiramente escrevo, produzo alguma matéria ou artigo de cunho jornalístico ou de outra vertente, atento para parâmetros básicos para uma boa redação, que aprendi praticando a leitura, compreensão e construção textual  e no rádio jornalismo com alguns profissionais que trabalhei, alguns anos atrás editores e redatores de programas jornalísticos. Modéstia à parte, ao ingressar na faculdade de Graduação em Letras pela Faculdade de Formação de Professores de Araripina,Pe (Campus UFPE) no vestibular, a minha redação foi a melhor entre todos os vestibulandos do curso. Como profissional da área de comunicação, me considero um parceiro, seja pra aprender, seja pra ensinar e digo mais não sou intransigente e não sou e nunca serei o dono da verdade. Agora ética e respeito para com todos que atuam nessa praia, seja profissional ou pseudo, isso eu tenho e até se me pedirem contribuição darei com toda satisfação. Pra quem vive diretamente da informação através de publicidade é preciso primeiro saber escrever bem, segundo ter qualificação e terceiro ser respaldado pela credibilidade. Não tenho nada contra, pelo contrário sou a favor de quem quer que seja, de criar um blog, um jornal, revista, site de notícias, etc. seja pra interesse comercial ou não. Sou contra a publicação de outrem sem a citação de quem produziu. Entretanto não vou permitir de forma alguma sem a minha autorização e sem a minha consulta, plagiar ou copiar matérias ou artigo de minha autoria. Pra completar, foi publicado aqui na cidade em determinado jornal impresso conteúdos do meu blog, sem ao menos o seu editor pedir permissão e nem tampouco teve ética de reconhecer quem escreveu e qual a fonte. Dessa vez, deixarei passar, da próxima tomarei as providências cabíveis.     




domingo, 15 de abril de 2012

Más administrações levam Ferroviário ao inédito rebaixamento


O resultado deste domingo(15),que culminou com o rebaixamento do Ferroviário para a segunda divisão, é apenas um reflexo do que o time fez neste Campeonato Cearense de 2012 e nos últimos anos.
Bem antes da bola rolar, o Ferroviário já tropeçava em suas próprias pernas. Depois da renúncia do então presidente Luiz Gonzaga Neto, no início de outubro de 2011, novas eleições foram marcadas e apenas uma chapa foi apresentada. Walmir Araújo fora aclamado presidente e mesmo antes de assumir, renunciou.

Reunião às pressas e nova votação. O deputado estadual Vanderley Pedrosa foi eleito presidente do Ferroviário. No dia de sua posse, o mandatário faltou. Nova data marcada e Vanderley Pedrosa foi nomeado presidente do clube por um período de dois anos. Enquanto alguns clubes cearenses já estavam com foco no Estadual, esse era o cenário vivido pelo time coral.
A bola rolou e o que se viu foi o pior início de Campeonato do Tubarão da Barra nos últimos 10 anos. Isso sem contar as demissões de técnicos, salários atrasados e greve de funcionários.

"Na vida da gente, se não tiver um planejamento as coisas não vão bem. No começo do ano foi assim no Ferroviário. Para você ter uma ideia, os times pequenos do interior fizeram um planejamento, o Ferroviário não. Foi uma coisa inconstante, sem decisões concretas", comentou o técnico e funcionário do clube, Roberto Cearense.

No Estadual do ano passado, o Ferroviário já havia escapado do rebaixamento por um ponto. O time ficou na 10ª posição, com 20 pontos na classificação geral. Cairam Quixadá (11º, 19 pontos) e Limoeiro (12º, 14 pontos).

Decepção de ídolos

"Vejo essa situação do Ferroviário com muita tristeza e também indignação. As pessoas em 2011, criaram uma série de dificuldades pra nós, que tinhamos um grande projeto. O Ferroviário foi comandado nos últimos anos por pessoas que não têm experiência no futebol. Ano passado, quase caiu. Esse ano, o rebaixamento foi inevitável", lembrou o ex-técnico e jogador do clube, Mirandinha.

As grandes conquistas do Ferrim parecem ter ficado cada vez mais distantes do clube. Na primeira divisão do Campeonato Cearense, o Ferroviário deixa 9 títulos estaduais, 20 vice-campeonatos e 74 participações ininterruptas, desde que disputou a competição, em 1938. O último grito de campeão aconteceu em 1995. Quem esteve presente naquela conquista, compartilha com os torcedores o atual drama coral.

"É muito triste ver a situação do Ferroviário. Ainda mais pra gente, que tem uma história lá dentro. Jamais imaginei ver o meu Ferrim passar por um momento desse. O time hoje não tem comando. Os dirigentes que passaram pelo time nos últimos anos só tem interesse próprio. O clube fica em segunda mão e isso tem atrapalhado demais", desabafou o ex-jogador e lateral-direito João Marcelo, campeão pelo Ferroviário em 1995.

Chateaubriand Arrais, presidente do Ferroviário na década de 70, também aponta a falta de comando a crise instalada no Ferroviário.

"Muito dirigentes nos últimos anos usaram o Ferroviário para garantir benefícios próprios. A atual situação é consequência de uma série de administrações que não foram capazes de manter o Ferroviário entre os 3 maiores do estado", disse.

O ex-mandatário coral, porém, acredita no retorno do Ferroviário. "É preciso que haja união. Os que estão hoje chegaram tarde. No meu tempo havia pessoas mais dedicadas ao Ferroviário. Mas o clube tem tradição e tem nome para voltar ao que era antes", pontuou.

O que o Peixe vai enfrentar

Na segunda divisão do Campeonato Cearense, o Ferroviário vai encontrar estádios vazios. A média geral de público no certame de 2012 é de apenas 36 pagantes. Um fator negativo que o time coral pode transformar em positivo. "O problema maior da segunda divisão é falta de público. Sem torcida, não há renda. Aquele time que tiver um apoio popular e ela comparecer aos jogos, pode ter o trabalho facilitado, porque entra receita de alguma forma", comentou Getúlio, do Uniclinic.

Os desafios futuros do Ferroviário não serão pequenos. Já dizia o ilustre torcedor coral, Valdemar Caracas: " O Ferroviário é inacabável". Cabe ao próprio time provar essa máxima.

Situação semelhante em 2004

No Campeonato Cearense de 2004, o Ferroviário viveu uma situação semelhante. Chegou na última rodada precisando vencer o Maranguape e torcer por um tropeço do Boa Viagem para escapar do rebaixamento. Foi o que aconteceu. Vitória por 5 a 1 em cima do Maranguape e derrota do Boa Viagem para o Limoeiro por 2 a 1. Ferroviário (8º) e Boa Viagem (9º) ficaram empatados com 19 pontos. O Tubarão da Barra tinha melhor saldo de gols, evitando o rebaixamento.

Ferroviário no Estadual 2012

Números da Campanha no Campeonato Cearense de 2012: Jogos, 22, Vitória, 5; Empate, 6; Derrota, 11; GP, 29; GC, 42; SG, -13; Aproveitamento, 28,57%; Posição na classificação geral, 10º; Pontos,21.

Títulos

O Ferroviário conquistou 9 títulos estaduais (1945, 1950, 1952, 1968, 1970, 1979, 1988, 1994 e 1995). Foi vice-campeão 20 vezes (1940, 1941, 1942, 1946, 1947, 1949, 1951, 1953, 1955, 1960, 1963, 1967, 1980, 1981, 1982, 1983, 1989, 1996, 1998 e 2003).

FONTE : PORTAL VERDES MARES

Governo do Estado, cancela inaugurações em Nova Russas e Ipueiras

Estava agendado para amanhã, segunda-feira dia 16 de abril, inauguração das Escolas Profissionalizantes, Manuel Abdias Evangelista (Nova Russas) e Dario Catunda Fontenele (Ipueiras). Dessa vez, o motivo foi a intervenção cirúrgica que o Prefeito de Nova Russas, Paulo César Evangelista, se submeteu na capital cearense. Após exames de rotina, foi constatado obstrução de artérias coronarianas, sendo de imediato procedimento cirúrgico (ponte de safena). O quadro de saúde do prefeito é estável, se recupera bem e deverá deixar a UTI ainda hoje. Ontem nas igrejas católica e evangélicas, houve um momento de fé e oração pela saúde do prefeito de Nova Russas.

Considerada positiva repercussão da solenidade de posse do gerente do BNB (Nova Russas)

Em solenidade bastante concorrida e exitosa foi empossado o novo gerente da agência do Banco do Nordeste em Nova Russas, o Sr. Roque Edson Guedes Rodrigues.
O evento aconteceu na noite da última quarta-feira no Buffet Vitória Festas onde compareceu o Superintendente Estadual do Banco do Nordeste no Ceará,Francisco Rivônio de Morais Pinho, representantes de prefeitos da região,secretários municipais, adjuntos,vereadores, entidades sindicais,clubes de serviço, clientes, empresários e outras autoridades. A vinda do novo gerente para Nova Russas dado a importância desta agência se buscou um novo nome com bastante força para trabalhar e esse nome foi consensual no alto escalão do Banco, por ser experiente, técnico, receptivo e eficiente nas suas ações.
Na solenidade, o vereador Denilson Peres Martins representou o Prefeito Paulo Evangelista justificada em sua fala por estar em tratamento de saúde e em entrevista ressaltou a importância da instituição para a economia de Nova Russas e região, desejando boas vindas ao gerente Roque Edson.
Na ausência do prefeito anfitrião, Paulo Evangelista pelo motivo exposto, quem representou as cidades da área de jurisdição da agência do Banco do Nordeste foi o prefeito de Ipueiras Raimundo Melo Sampaio. Nenen do Cazuza foi bancário e reconheceu a valiosa contribuição do Banco do Nordeste para o desenvolvimento da região e a exemplo dos ilustres convidados desejou sucesso ao gerente empossado. Roque Edson Guedes falou das expectativas na gerência do Banco do Nordeste de Nova Russas  dos serviços oferecidos pelo  Banco aos micro e pequenos empreendedores e outras atuações focadas na sua gestão
O Superintendente Estadual do Banco do Nordeste Francisco Rivônio de Morais Pinho projetou significativos investimentos para o estado em diversas áreas para este ano e traçou um perfil do novo presidente do Banco do Nordeste e do gerente empossado Roque Edson. Segundo ele, são nomes que melhor representam a instituição com espirito de emprendedorismo e com metas estabelecidas de desenvolvimento e incremento nos aspectos social e econômico dentro de suas esferas, o que viabiliza e credencia o Banco do Nordeste como uma das instituições creditícias de maior credibilidade do país.

Blog - Desejamos ao Roque sucesso neste novo desafio, afinal nada acontece por acaso,o posto que assume é mais que merecido e tenho certeza que o Banco do Nordeste em Nova Russas vai continuar desenvolvendo e implementando ações em prol do desenvolvimento econômico e promovendo, sobretudo, sua função social ao emprestar dinheiro para micro e pequenos empreendedores nas mais variadas atividades econômica que o banco atua.
Registros da Solenidade
Superintendente do BNB Francisco Rivônio
Gerente Roque Edson
Certificado - Ato Administrativo
Discurso de Posse

Equipe de funcionários do BNB - Nova Russas
  
Mestre Cerimonialista Max Weber